zaciss

Num novo momento...

Textos


Sentada...
à beira do caminho,
penso no verde e amarelo,
as cores da minha Pátria!

Há quem sugira
o abandono à minha Terra.
Não!...não!...
Aqui nasci,
aqui vou ficar!

Sou filha deste torrão
da tribo dizimada,
pelas almas sem coração.

Algum dia...
a igualdade entre os povos
há de reinar!

O sorriso, por certo, abrirá
para o branco da paz.
E, para o azul das águas
que choram sem desaguar.

O verde das nossas matas,
queimadas na distopia
esconde o amarelo
que reluz  na utopia.

Quando a fraternidade
vencer a crueldade...
o verde, amarelo, azul e branco
serão as cores da civilização.

Assim...
no alto da minha caminhada,
poderei partir, com a alma lavada!

 
zaciss
Enviado por zaciss em 12/09/2019
Alterado em 13/09/2019
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras