zaciss

Num novo momento...

Textos

Homenagem ao meu judas.

O meu Judas
é tão sereno,
tão pequeno,
inanimado,
impensado,
inacabado.
Dá dó de ver!
Não reage,
não requer,
não procura
mais viver.
Vê a luta,
não labuta,
não encontra...
seu bem querer.
Coitadinho
do meu Judas!
Mais um ano se passou
e seu mundo não mudou.
Ao contrário...
tudo, tudo piorou!
Acorde, Judas...
o mundo enloqueceu!
zaciss
Enviado por zaciss em 20/04/2020
Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras