zaciss

Num novo momento...

Textos

Canta o pássaro...
o desalento  da saudade.
Sobrevoos fascinantes
sobre o hangar da realidade.
Saudades...
da liberdade.
Saudades...
da leitura da realidade.
Sons das lonjuras
embaçam  a sensibilidade
sem perfumes...
Retumba
o grito dos oprimidos...
Ecoa o infinito!
zaciss
Enviado por zaciss em 14/09/2020
Alterado em 14/09/2020
Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras